ENTREVISTA: Ysadora Giron conta como é morar na Alemanha!

Oi gente! Lembram que eu falei pra vocês que agora vou deixar um espaço aberto para as(os) viajantes escreverem suas histórias (claro, também no formato de entrevista!) ? A ultima história contada foi a Cássio Coelho! (clique aqui para ver: http://www.sofiapiassi.com/2015/11/cassio-pelo-mundo-barcelona.html) E hoje teremos uma entrevista com uma brasileira mucho linda que mora na Alemanha! Confira logo abaixo a entrevista com Ysadora Giron. Meus comentários estarão em negrito/itálico, como sempre.

Caso você também queria enviar sua história pra cá ou participar de uma entrevista é só falar comigo! Email e contatos no final do post!



 Primeiramente, bem vindaaa, me fale de você, pode sentar no divã! Signo, idade, hobbies...

Oie! Meu nome é Ysadora Giron, eu tenho 23 anos,  Capricorniana, com ascendente fortíssimo em Sagitário, e lua em Peixes, que me faz uma trouxa de marca maior! Meu hobby preferido é andar pelo centro da cidade, descobrir coisas, pessoas e lugares diferentes, e torná-los especiais. E claro, brincar com a minha gatinha linda Nancy!  


Mora aí a muito tempo? Sozinha? Com familia? 

Moro em uma cidade chamada Saarbrucken, a capital de Saarland. Uma cidade muito charmosa que é alemã há apenas 60 anos. Já foi francesas muitas vezes mas no final das contas (graças a um pebliscito) tornou-se oficialmente alemã! Moro aqui por volta de 3 anos. No começo sozinha, mas hoje divido o apto com mais uma pessoa (fica bem mais em conta).




Quais as grandes diferenças que você sentiu entre o Brasil e a Alemanha?

A desigualdade social. Acho incrível como os salários são sempre próximos, independente do grau de estudo ou profissão. Aqui existem milhares de tipos de estudos e profissionalizações (Ausbildung dual Studium, UNI, Hochschule, etc). Um dos maiores salários por aqui são os dos lixeiros! (Por volta de 3 mil euros) o que me faz pensar que a Alemanha  chega bem próximo de uma realidade social justa. 




 Qual a pior situação que você já passou aí? E a melhor situação que já passou aí ? 

Ainda não consigo me recordar de nenhuma "pior" situação. Mas, a melhor, com certeza, foi a primeira vez que eu percebi que conseguia falar alemão! Foi uma sensação incrível entender praticamente tudo o que a outra pessoa está dizendo! E ah! Quando tive o prazer de ver a chanceler Merkel de perto! Foi incrível!! 


Conte uma piada aí vai, só pra descontrair!

Essa é tão difícil mas lá vai!  "Qual o menor livro do mundo? O livro do humor alemao!" (Tá explicado por que essa foi tão difícil) 


Você já é cidadã alemã? Tem visto? Está legal? Se tem o visto, foi difícil conseguir? 

Eu não sou cidadã alemã! Na verdade nem sei qual o processo pra tornar-me (Mas sei que existem dois diferentes: Um pra ter o passaporte alemão, e outro pra se tornar cidadão) eu tenho visto de estudante. O visto de estudante varia de 3/6 meses a 1/3 anos (é uma carteirinha tipo um RG que serve pra tudo!) 


Caso vocês queiram saber: Aqui na França você também tem duas opções, mas um pouquinho diferente. Você pode tornar-se residente francês, com identidade e tudo mais... Ou tornar-se cidadão francês, e aí, você adquire o passaporte francês e o direito ao voto, fora isso as duas opções dão direitos e obrigações iguais e você sempre pode se inscrever pra mudar de uma situação para outra!

Eles recebem bem os Brasileiros(as) por ai? 

Muito. Até demais inclusive. Quando veem de onde venho o tratamento muda completamente! Abrem um sorriso enorme e perguntam milhares de coisas. Já conheci muitos que até português fluente falavam. Acho uma graça como eles são encantados pelo Brasil, pela cultura brasileira e pelo povo. 


Né! Pra eles,  ter calorão o ano todo é o maior barato! E pra ser sincera eu sempre me amarrei no calorão que faz no Brasil também.

Quais os pontos turísticos daí que você mais gosta/gostou de ir? 

Eu gosto muito de um "bosque" que tem por aqui. É um dos lugares mais mágicos que eu já vi no outono. Cada canto que eu olho é uma emoção diferente com todas aquelas folhas laranjas espalhadas por todos os cantos  (o lugar chama Am Staden e é como se fosse um bairro que o rio Saar corta, então fizeram um bosque com pista de corrida, lugares pra tomar cerveja - Biergarten - e playground para as crianças brincarem) 










Você gostou daí? Quer morar ai pra sempre? Pensa em voltar pro Brasil?

Eu aprendi a gostar. No começo não foi muito fácil. Tive inclusive bastante problema de adaptação devido ao alemão ser um idioma extremamente difícil. A saudade de casa, da rotina do Brasil também doi bastante. Até do som dos programas da TV eu sentia falta! Até hoje me pego sentindo falta do Brasil. Sobre voltar, não sei responder, mas nunca digo nunca. Afinal o Brasil é minha terra, eu sou e pra sempre serei brasileira independe de onde estiver. 


Pode dar uma dica pra galera que quer morar aí na Alemanha?

Aprender o idioma! O alemão é muito importante se você quer construir uma vida por aqui (que não seja contrato de trabalho em empresas que você passa só um tempo e não precisa do idioma por exemplo!) você precisa aprender o alemão! Muitas pessoas falam inglês, mas no geral, é como no Brasil, a vida acontece no idioma local! Por isso eu sempre digo: se quer tentar uma vida na Alemanha, aprenda o alemão!

Essa foi a entrevista com Ysadora Giron! Espero que tenham gostado deste post, fiquem à vontade para ler mais posts como este aqui no SofiaPiassi.com! Um beijo! 


Quer ser meu/minha amigo/amiga? Tem alguma dúvida? Quer acrescentar algo? Quer mandar um beijo pra mim, pra sua mãe ou pra Xuxa? Comente abaixo ou fale comigo por um desses meios
Si vous voulez parler avec moi, être mon ami(e), contactez-moi:

sofiapiassi@gmail.com

7 comentários:

  1. Que entrevista legal. Nunca visitei blog assim. (É um blog, né?) bem. Espero ver as próximas!! Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. <3 É sim! Pode chamar de site, blog..como quiser :D Volte sempre! Adorei a visita! Um beijo!

      Excluir
  2. Respostas
    1. ahahahaha :D é blog.


      site
      da world wide wed
      portal da internet
      fruto da tecnologia atual
      filho da rede mundial de computadores

      Excluir
  3. hahaha assim tá bom né? :D

    ResponderExcluir
  4. A- DO- REI!!!
    Seria tão bom se vc conseguisse uma entrevista com brasileiro(a) que more na Suécia...ontem, recebi uma proposta para ir pra lá, mas ainda é muito cedo para saber e muitas coisas a avaliar. Mas a Alemanha sempre achei um destino ótimo, tenho conhecidos lá tbm e falam muito bem, não pensam em voltar pra cá de jeito nenhum! rsrs

    Mais um post incrível! Bjs

    ResponderExcluir
  5. A- DO- REI!!!
    Seria tão bom se vc conseguisse uma entrevista com brasileiro(a) que more na Suécia...ontem, recebi uma proposta para ir pra lá, mas ainda é muito cedo para saber e muitas coisas a avaliar. Mas a Alemanha sempre achei um destino ótimo, tenho conhecidos lá tbm e falam muito bem, não pensam em voltar pra cá de jeito nenhum! rsrs

    Mais um post incrível! Bjs

    ResponderExcluir