ENTREVISTA: Conheça a Yogini Talissa Monteiro!

Oi gente! Começa agora um novo quadro aqui no blog: ENTREVISTAS! :D 
Se você não me conhece: Eu sempre gostei de fazer entrevistas, e já entrevistei gente do mundo todo. (Veja aqui: https://www.youtube.com/user/piassisofia/playlists). Agora eu resolvi trazer pra vocês, entrevistas novinhas em folha, especialmente para o blog!
A primeiríssima entrevista é com a Yogini Talissa Monteiro, (falei dela no post: 7 erros que iniciantes cometem ao começar a praticar Yoga). E sim, vai ter bastante entrevistas com a galerinha da Yoga, e claro, também vai ter sobre outros assuntos! :D Em breve!


VAMOS LÁ: Talissa, 22 anos, Brasileira, futura jornalista(Assim como eu! Yey!), e também uma pessoa muito legal. Eu a conheci na faculdade, sentava perto dela, gostava muito de ouvir suas histórias (Talissa tinha acabado de voltar da África) e ela sempre tinha algo legal e jornalístico a dizer sobre os problemas do mundo. Ela sempre foi assim, sempre preocupada e informada sobre os conflitos mundiais, sempre com essa visão de querer ajudar o mundo a propagar a paz. Quando ela começou a fazer Yoga, ela meio que levou a sala toda com ela. Teve até uma vez, que a coordenação colocou vários avisos colados na parede com sinais de "proibido colocar os pés na parede". E, sério, tinham marcas de pés até em lugares bem altos. E o mais legal foi a cara do coordenador, chocado, quando ele descobriu que foi ela, quando ela disse: "Desculpe, fui eu." E todo mundo riu.
COM VOCÊS: TALISSA (AH, os comentários em itálico são meus, por que sim, eu gosto de interagir com o entrevistado e o leitor! ;D)


- Talissa, quando você começou a praticar Yoga? Você fez aulas? Ou Começou sozinha? Por que? Assim do nada? 
Comecei a praticar diariamente há mais ou menos um ano. Aprendi tudo pela internet e através de livros. Fiquei meses e meses praticando sem ter tido uma única aula com um profissional. E, até hoje, só tive duas aulas assim. Eu realmente queria ter uma assistência qualificada, mas como moro em uma cidade muito pequena, aqui não tem ninguém que dê aulas, por isso resolvi começar sozinha mesmo. No começo foi bem difícil ter disciplina para ir para o meu tapetinho todos os dias.
(Gente! Eu também tinha - digo, tenho até hoje - o mesmo problema pra levantar a bunda do sofá - digo, da cama - e ir lá pro tapetinho me exercitar! Não pode isso não, vamos começar amar mais nossos tapetinhos!) 


As poses eram difíceis, eu sentia dor e cansava muito facilmente. Então peguei uma série da internet e resolvi fazer o que conseguisse dela durante um mês inteiro, de segunda a sexta. Isso me ajudou muito, porque não precisava mais perder tempo pensando quais poses iria fazer naquele dia e, como estava no começo, pude melhorar a cada dia meu alinhamento nas posturas básicas.
Talissa fazendo uma das poses da sequência Mermaids Yogis, em Junho de 2014:


Essa é a sequência que Talissa fala. Dá pra tentar fazer, se está difícil e você preferir começar com algo mais fácil, tem várias outras sequências como esta na internet. Google e Pinterest estão aí pra isso!

Quando ela me mandou essa série, no ano passado, eu me amarrei, por que eu sou uma sereia, claro. Tentei fazer a numero 3, 11B, 25 e a numero 30. Eu descaconselho muitas dessas poses se você tiver começando agora e quiser fazer sozinho em casa, pelamoooor de Dios! Cuidado pra não se machucar gente! Fotos das minhas tentativas:



- Como é que rola isso, como você pratica? Você faz em casa mesmo? Simplesmente estende e yoga-met no quintal e ai a coisa toda rola?
Geralmente faço em casa mesmo, tenho um quintal bem bonito e adoro praticar lá, em contato com a natureza. Mas, de vez em quando, vou para algum outro local praticar. 



 Sempre faço pela manhã, quando acordo, durante uma hora mais ou menos. Às vezes mais, às vezes menos, depende do que eu tenho que fazer naquele dia. Pratico pelo menos cinco vezes na semana, mas sempre deixando um dia ou dois para o corpo descansar. 

Começo sempre com pranayama (exercícios de respiração), depois aqueço o corpo com umas cinco séries de surya namaskar (saudação ao sol), em seguida pratico uma série de asanas (posturas), e, por fim, eu medito. 

Este é um exemplo de série de saudação ao sol:
Sobre as posturas, gosto muito de pegar séries prontas da internet, como as da @kinoyoga ou criar as minhas. Mas quando estou me sentindo mais criativa vou para o tapete e faço o que o meu corpo pedir. Tem dias que preciso de uma prática mais forte e intensa, pra suar bastante. Outros dias, prefiro uma série yin, para relaxar e curar. O bom da yoga é que você pode adaptá-la para qualquer necessidade. 

Pegando o caderninho e anotando as dicas da tia Talissa:
- Deixar o corpo te levar , tem dias em que você vai pro lado relax e tem dias em que você vai Work-Hardiar. 
- @KinoYoga tem sequências maneiras mas você também pode criar a sua, se quiser.
- Fazer exercícios de respiração(googlar alguns pranayamas pra fazer!)
- E pegar alguns de "Saudação ao Sol" também, pro aquecimento!

- Tem algum ritual que você faz? Eu por exemplo tenho uma mania de fincar incensos na grama do jardim(sempre recolho o lixo depois, claro) por que eu gosto do cheirinho por ali... Você faz algo do tipo?
Adoro incensos também. Nunca finquei no jardim hahaha, mas às vezes levo meu porta incensos para lá também.(Ela tá certa, por que as cinzas do incenso podem prejudicar a grama. Vou parar com isso de incenso na grama!) O cheirinho me ajuda na concentração. Também adoro ficar muito tempo na savasana, a última pose da yoga, só me concentrando na respiração. Fico de 10 a 20 minutos. (é aquela pose deitada, só relax no chão) Outro ritual que tenho é tomar banho antes da prática. Sinto que a energia circula melhor assim.

Savasana:  Você também pode deixar as pernocas meio apertas também. E da pra fazer no chão e na água! Veja alguns exemplos que eu peguei na internet:


Reprodução
Reprodução (mantenha a calma e deite em savasana)
- Comilança? Você come muito? Normal? Antes ou depois de praticar tem algo que você come e que te ajuda? Tem alguma dieta que você segue? Ou você nem liga pra isso?
Eu não consigo praticar antes do café da manhã, com o estômago completamente vazio. Então, como algo leve e espero uma hora para praticar, porque realmente atrapalha. Após a prática também é bom esperar no mínimo 30 minutos para comer, beber água, fazer xixi ou tomar banho, para manter as energias que adquirimos com a prática. 
Sobre dieta, não ligo muito, mas tento evitar porcaria sempre que posso. Apesar de raramente comer carne, eu não sou vegetariana, mas pretendo me tornar. Estou fazendo a transição aos poucos... Ahh, também tomo água morna com limão todos os dias em jejum, assim que acordo. É bom para regular várias funções do nosso organismo. (Gente, essa dica da água morna com limão é genial! Começarei a fazer! Inclusive, até pesquisei na internet. Olhaaa: http://www.bolsademulher.com/corpo/beber-agua-morna-com-limao-emagrece-e-melhora-o-sistema-imunologico)
- Seu Instagram tem várias fotos legais, você mesmo usa suas habilidades fotográficas? Isso é uma dica muito boa, bater fotos, te ajuda a ver se você esta fazendo direitnho e tal. Tem alguem que faz as fotos pra você? Quem mais te ajuda com a yoga na sua vida? Mae, pai, família, namorado, amigos... ?
Geralmente meus pais ou namorado batem para mim. Às vezes eu mesma coloco no timer. É realmente muito bom para ver meu alinhamento, ainda mais por eu não ter um professor para me corrigir. Às vezes me filmo só para ver isso. Mas nunca tiro fotos durante a prática, sempre depois, para não atrapalhar na concentração. Mas também acho que as fotos são ótimas para incentivar as pessoas a praticarem. Eu comecei assim, me inspirando no Instagram. Então, não vejo problema em algo que ajuda uma prática tão benéfica quanto o yoga a crescer.
Talissa com seu namorado ajudando:
RECAPTULANDO: DICAS DE OURO! 
- Filma tudinho pra depois você ver se está fazendo direitinho
- Pede ajuda pro papai, pra mamãe, pros amigos e pro(a) namorado(a)
- Bate a foto depois da prática! Parar na hora te desconcentra! Instagram, Snapchat, e etc... Todo mundo pode esperar, tá?!
- Posta foto fazendo Yoga sim! É legal inspirar as pessoas. Talissa incentivou a mim e mais um montão de gente também! Pare com isso de "é modinha" por que você não é mais um adolescente de 2004.
- Já conseguiu fazer os amigos começarem a praticar? Como foi isso? As pessoas simplesmente topam assim de boa? Elas tem curiosidades? No mundo da yoga, geralmente é só amor, e fora dele, como lidar?
Já sim. Tenho um grupo de cinco amigos que passaram a praticar com frequência. Sempre que dá, nós nos encontramos para praticarmos juntos e trocarmos o conhecimento que adquirimos na nossa prática individual. Fico muito feliz em ajudar a mudar a vida das pessoas um pouquinho.

Fotos da Talissa e sua turminha aprontando todas na sessão da Yoga!



Sobre a postura fora do tapetinho, para mim essa é a parte mais importante. O yoga tem vários ramos e as asanas são apenas um deles. Há também “recomendações” éticas que você deve ter na sua vida, como não violência, honestidade e veracidade. Então, para mim, não importa o estilo ou como você pratica, mas se você se tornou uma pessoa melhor depois que passou a praticar. Imagina se o mundo todo fizesse isso? Seria incrível. E, penso também, que o yoga, é só um dos muitos caminhos para alcançar tal objetivo. Mas o mais importante mesmo é melhorar-se e fazer o bem.
É aquela coisa gente "não vale fazer Yoga e não dar bom dia pro porteiro". Não adianta nada você praticar e esquecer de ser uma pessoa do bem! Vamos trabalhar nisso aí! 

- Quem lhe conhece e acompanha você sabe que você evolui muito, e muito rápido, mas cada pessoa tem seu tempo, tem algo que você aconselha pra galera que ta começando e que quer entrar na onda?

Você até já respondeu: ir no seu tempo, respeitar o seu corpo e saber se ouvir. 

Entender e aceitar que tem dia que só dá para praticar poses relaxantes, tem dias que só conseguimos 15 minutos e outros fazemos uma série completa de uma hora, uma hora e meia. Sobre o tempo, penso que é sempre melhor praticar 15 minutinhos por dia do que uma hora, uma vez na semana. (Isso aí faz muito sentido, agora tudo ficou claro pra mim!)

Mas a minha experiência me mostra que yoga é prioridade, você tem que torná-la importante na sua vida, só assim vai conseguir manter uma prática frequente. Todo mundo tem um tempinho livre. Eu continuei praticando, mesmo quando trabalhava o dia todo e estudava a noite. É possível, mesmo que só algumas poses. Quando você passar dessa fase difícil de criar a disciplina, parece que praticar se torna tão importante quanto escovar os dentes. No começo, seu dia fica melhor, depois, a sua vida toda. (Gente, vamos parar com isso de "Tô sem tempo pra ser feliz", já falamos disso aqui no blog!)

Mas como dica prática mesmo, aconselho selecionar uma série só para fazer todos os dias durante um mês. Ainda mais se você não frequenta aulas ou acha difícil praticar em casa. Funcionou muito bem para mim. (Aí, ó, mais uma dicona de ouro! Procure algumas sequências aqui no Pinterest: https://www.pinterest.com/search/?q=Yoga)

- Yoga sempre nos faz ver a vida de um jeito diferente, pelo menos comigo, eu estou sempre em constante mudança(mudança que eu digo: tirando sempre coisas ruins e adicionando coisas boas a vida) algo do tipo também acontece com você? Conta pra gente!
Não mudou radicalmente minha forma de ver a vida, porque muitos dos valores que a yoga ensina já eram muito importantes para mim. Sempre fui muito preocupada com questões sociais e com o que eu fazia para o mundo ao meu redor. Mas a yoga é uma ferramenta incrível para eu exercer tudo isso e entender algumas questões. 
 Eu era muito ansiosa e preocupada, agora confio mais no fluxo da vida, em Deus e no que que faço. Tenho mais fé e penso que se der o meu melhor, o universo vai se encarregar do resto. Também fiquei muito mais consciente dos meus defeitos (apesar de ainda ter muitos) e isso se tornou essencial para que eu evitasse julgar as pessoas. Quase nunca apontamos um defeito com intenção de ajudar, por isso, evito ao máximo fazer julgamentos.
Além disso, descobri na yoga uma ferramenta incrível para ajudar as pessoas. Ensino exercícios de respiração para amigos quando estão ansiosos, poses para insônia, para dor nas costas e tento passar essa visão de vida mais ampla que adquiro a cada dia. Por ter essa vontade de dividir tudo que melhorou a minha vida, vou fazer o curso de instrutora em julho deste ano. Vou ser jornalista e professora de yoga, em breve, e espero conseguir fazer as duas coisas que mais gosto. 
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Esse é o Instagram de Talissa: https://instagram.com/talissamonteiro/ foi de lá que eu tirei todas essas fotos :) ela sempre posta coisas legais.

Se você gostou da entrevista, tem alguma dúvida, quer participar das entrevistas também, quer dar dicas ou quer simplesmente mandar um beijo pra mim, pra sua mãe e pra Xuxa: Comente! :)


ATUALIZAÇÃO: Talissa já esta dando aula de Yoga! Entre em contato com ela: monteiro.talissa@yahoo.com.br :D 

6 comentários:

  1. Yoga e' muito além de posturas corporais, respiração e relaxamento... E' principalmente a busca de si próprio.. Do auto conhecimento...evoluir para o "Eu Maior". Veja artigos/ vídeos/ mantras de Marco Schultz. ;)

    ResponderExcluir
  2. A Talissa é muito rainha do Yoga, gente. É uma pessoa incrível e de uma energia que não conseguimos medir. Conversar com ela é sempre muito enriquecedor e faço questão de sempre incluir ela e o namorado em nossos passeios, porque sempre é diversão garantida.

    Abraço e adorei o blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ela é mesmo! <3 Talissa é demais!

      Excluir
  3. clanderson19 junho, 2017

    conheço o trablho de Talissa, muito bom o que ela fez em Kampla na Africa, excelente trabalho alem de ajudar a ong Wold Child Core Vision. Estou querendo o contato dela para ajudar a onge do amigo Akem Kafunba Maombi da Africa. se alguem tiver o contato de Talissa me repasse por favor.

    ResponderExcluir
  4. clanderson19 junho, 2017

    Sofia. meu contato para que Talissa entre em contato é: clanderson.leal@gmail.com

    ResponderExcluir